BrPlot – Encontro de Roteiristas

Master class: Narrativas imersivas e realidade virtual

Com Ricardo Laganaro

Dia 16/08, às 15h00, na FAAP

 

Na master class “Narrativas Imersivas e Realidade Virtual”, Ricardo Laganaro trará estudo de casos que mostram seu processo de criação para conteúdos imersivos, desde a projeção para full domes, passando por vídeos 360 ̊, instalações físico-digitais em realidade aumentada e conteúdos interativos não-gamificados em realidade virtual. A aula mostrará como e por que o processo de ideação precisa ser adequado para um meio que, ao contrário do cinema, ainda está sendo inventado, sem processos de produção estabelecidos, e sem uma linguagem propriamente definida entre criador e público. Serão abordados desde conceitos totalmente novos para os criadores de audiovisual – como a necessidade de se considerar, como parte do conteúdo, o espaço de fruição da experiência e o corpo do espectador – até conceitos comuns no cinema, como edição e decupagem – que podem ser adaptados na narrativa imersiva se apropriando de técnicas utilizadas no teatro e em parques de diversão, desde que sejam levados em conta a partir da criação do roteiro.

 

Trabalhos como a projeção para domo “Portal cósmico”, em cartaz desde 2015 na entrada do Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro; o clipe “O farol”, com a cantora Ivete Sangalo, conteúdo 360 ̊ mais visto no mundo no formato em 2016; o curta-metragem em realidade virtual “Step to the line”, com destaque internacional em mais de 30 festivais pelo mundo; e a instalação em realidade aumentada “Objects in mirror AR closer than they appear”, em cartaz em Tribeca no começo de 2018, serão os principais projetos do autor citados na aula, além de vídeos publicitários e projetos imersivos de criadores que se destacaram em eventos como Sundance, Tribeca e outros grandes festivais de cinema pelo mundo.

  • Ricardo Laganaro

    Ricardo Laganaro, sócio e chief storytelling officer na Árvore Experiências Imersivas, criou a experiência de entrada para o Museu do Amanhã, clipes e vídeos 360º com mais de 60 milhões de visualizações e dirigiu o doc em VR “Step to the line”. O curta estreou no Festival de Tribeca 2017 e foi citado pela Revista “Time” como um dos 5 melhores conteúdos do ano para VR mobile. Em 2018 foi um dos criadores da instalação “Objects in Mirror AR Closer Than They Appear”, indicado na categoria “StoryScapes” em Tribeca. Já palestrou em eventos como SXSW, CCXP e na Assembleia Geral da ONU de 2017.